Mais que apoiar, é necessário promover a diversidade

AvatarPosted by
 
Nossa sociedade é altamente diversificada. São várias etnias, pessoas com deficiência, grupos LGBTQ, homens e mulheres. São mais de 7 bilhões de indivíduos no planeta, cada um convivendo em comunidade com singularidades e identidades próprias: de cultura, crença e por aí vai.  

A promoção dessa diversidade nas organizações significa respeito e integridade, desenvolvimento, sucesso nos negócios, maturidade e inovação.  

Organizações são compostas por pessoas, indivíduos que moldam a cultura da empresa e nesse processo imprimem suas próprias crenças, trazendo consigo sua bagagem e construção pessoal. O ponto é: somos plurais.  

No Censo são 5 tons de pele no Brasil, mas na realidade milhares. Que possamos combater o racismo estrutural e institucional em nossas práticas diárias: nos educando sobre a temática racial, apoiando pessoas negras, denunciando o racismo em suas diversas formas de violência, reconhecendo a trajetória de pessoas negras, sua voz e narrativa. E também, espalhando a necessidade da educação antirracista entre amigos, colegas de trabalho, familiares, a fim de que se eduquem.  

Em certo nível, todos nós possuímos deficiências. Que possamos olhar através delas, que possamos olhar para o indivíduo, conhecer seu nome, seu papel na sociedade e todas as suas potencialidades de realização.  

Cada um de nós ama à sua própria maneira. Que possamos respeitar o direito de cada um ser quem é. Que possamos acolher e celebrar a pluralidade do amor e da condição humana, seja em um indivíduo, em um casal ou uma família.

Enquanto os homens são geralmente retratados como tendo características como competência, orientação para realização, inclinação para assumir comando, autonomia e racionalidade, as mulheres estão associadas a características comuns, como preocupação com os outros, tendências a associação, deferência e sensibilidade emocional. Essas concepções não são fatos, são apenas estereótipos. Que possamos combatê-los e enxergar potencial e competência sem vieses de gênero.  

Pontos Fundamentais Para Refletir  

Como criamos opiniões sobre as pessoas sem base em fatos, apenas por aparências?
O preconceito nem sempre vem acompanhado de uma agressão, muitas vezes é revelado de maneira sútil, observe de onde ele vem e repense, reprograme-se.
O que você pode começar a fazer para promover a diversidade na nossa empresa hoje mesmo?  

Que possamos conviver com as diferenças, aprender com elas, crescer, apoiá-las e principalmente promovê-las.

Atenciosamente,
Time de Comunicação e RH 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *